A War of Gifts

A War Of Gifts (algo como Uma Guerra de Presentes) é um livro curtinho escrito por Orson Scott Card e lançado perto do Natal de 2007.

Esse meu post está totalmente fora de época, já que a história é de Natal, mas eu li o livro na minha última viagem, então vou comentar mesmo assim…:)

O livro, como eu disse, é curtinho. São mais ou menos 200 páginas, mas com letras BEM grandes e BEM espaçadas, de modo que eu li tudo em uma única sentada. Literalmente. Estava no avião e usei as 3 primeiras horas de um voo de 10 horas…..hehe… Mesmo que eu quisesse levantar, não tinha muito para onde ir.

Bom, eu sou fã dos livros de Card, especialmente os livros do Ender, ou Enderverse como dizem por aí. Qualquer dia desses eu escrevo um post só sobre isso. Ou vários, um para cada livro. Mas sem dúvida, O Jogo do Exterminador (Ender’s Game) é um dos melhores livros que eu li e os seguintes não ficam muito atrás. Hmm… com exceção de Xenocídio que é chato…;)

Para quem não está muito familiarizado, vou tentar dar uma geral na série. O Jogo do Exterminador conta a história de garotos super-dotados que são selecionados para receberem treinamento militar a fim de liderar a Terra na guerra contra uma raça alienígena que invadiu o planeta e causou uma destruição imensa. Um desses garotos, o Ender do título, acaba se destacando e se tornando o herói/salvador da humanidade. O livro seguinte, Orador dos Mortos, é passado num futuro bem distante, onde o mesmo Ender desembarca num planeta chamado Lusitânia, ocupado por colonizadores descendentes de brasileiros e uma raça alienígena conhecida como “porquinhos”. Há mais dois livros na sequência: Xenocídio e Filhos da Mente.

Paralelamente a essa série, há uma outra, cuja história é passada na Terra, com os colegas de escola militar do Ender. Essa série (o primeiro livro é Ender’s Shadow) trata de intrigas políticas e guerras entre os países mais importantes na Terra em um futuro próximo.

A War of Gifts é passado durante o primeiro ano de Ender na escola militar.

Uma das maiores virtudes de Card é conseguir criar personagens envolventes. Ele os descreve de tal maneira, e cria situações tão cativantes, que a gente sempre acaba “gostando” dos personangens. Em alguns casos, a gente acaba odiando também, depende da intenção dele.

Em A War Of Gifts, a coisa não é diferente. Eu simplesmente odiei um dos protagonistas, o garoto Zeck. Ele é chato, bitolado e irritante. Mas ele é super-dotado. Então foi selecionado para a Battle School e acaba caindo na msema equipe de Ender. Outro defeito do garoto é que ele odeia o Natal e graças a isso acaba criando uma confusão imensa na escola que faz com que os outros meninos, que assim como eu não gostam dele, passem a trocar presentes e gentilezas no melhor estilo de espírito natalino.

Alguns dos personagens importantes de O Jogo do Exterminador estão presentes no livro. O super poderoso Coronel Graff, Ender e um outro garoto que foi comandante de Ender, Dink.

Durante a história, Ender mostra algumas das características que fez dele um líder militar eficiente. Como é uma historinha de Natal, posso dizer que tudo acaba bem.

O finalzinho do livro me arrancou um sorriso e aquela boa sensação de “valeu a leitura”.

Com certeza, isso vai demorar a sair no Brasil (se sair), mas de repente, já que a Devir está relançando a série em português, e esse livro não requer “conhecimentos prévios”…  Seria legal se saísse por aqui.

2 respostas para A War of Gifts

  1. Roberto de Sousa Causo disse:

    De fato, a Devir pretende publicar “A War of Gifts”, mas provavelmente só depois da publicação de “Ender’s Shadow”, romance paralelo a “O Jogo do Exterminador”, e que inicia a segunda série de Ender.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s